quarta-feira, 16 de julho de 2008

Preciso te enxergar do tamanho que realmente és
1,70 m de muito tesão é verdade
Mas 1,70 m também de muitos defeitos

Você parece melhor do que eu, mas não é
Somos iguais, somos de sangue ruim
De sagrado você só tem o jeito profano de ser
E mesmo gostando provo ser capaz desgostar
Com sorriso lindo e desequilibrada está cheio por aí

Você era do tamanho da minha desilusão
E de tão abstrata nem pensava em tocá-la
Me sentia sujo, incapaz, inferior
Você era aquilo que não existe, deusa grega

Sei que fiz o possível pra que fosse viável, não deu
Talvez até tenha esquecido de me declarar
Mas isso é detalhe, eu era um detalhe

De agora em diante será 1,70 m pra cada
E não vale salto alto
Salto alto é golpe baixo, eu não resisto

Vou tentar pela enésima vez te esquecer
Viver sem você até que nem era tão difícil
Viver pra você é que me corroia

E pode ficar com os meus sonhos, não ligo
Afinal, graças a você, hoje descobri uma verdade
Não vale a pena perder tempo amando
Quem por você sente só amizade.


8 comentários:

Anônimo disse...

Lindo poema! Lindo e triste também!
Não sei se voce leu o meu comentário ao seu post anterior,mas aqui vai:Eu Amo voce! kkkkkkkkkkkkkkkkkk
Ler o que voce escreve,como outras pessoas além de mim aqui o fazem,também é amar voce,é uma forma de amor,de delicadeza...
Bem sobre a moça,o conselho que te dou é que é melhor ter amores que não deram certo do que morrer sem ter amado ninguém,sem ter vivido nada...
bjosss xD

Clarice caldas disse...

Sabe essa segunda parte de:
"Não vale a pena perder tempo amando
[2º]->Quem por você sente só amizade."

É só o que faço.Adoro sentir só amizade e fazer os outros sofrer,hehe;)
Não por que eu queira,mas é por que acontece mesmo.Eu sei,você deve estar pensando:"que vaca!"
Bom,mas enfim,gostei do que escreveu,sabe que deu até para sentir o que você sentiu?Mas sei lá,as coisas tem de ter intensidade.
Eu não costumo sentir o que os outros sentem a não ser que eu tenha passado pela mesma merda de situação,só sei que vivo ou tento viver com aquela filosofia barata de:"O melhor amor é o amor próprio",eu sei,patético,mas vale.E eu recomendo a você.A propósito,você é hilário.Sabe a garota aí acima?Tal de Nadja?É minha irmã,ela escreve muito,não é pagando pau pra ela não por ser minha irmã mas é por que ela escreve mesmo e eu não pago pau pra qualquer um não.
Ah,se quiser pode passar no meu também,não é grande coisa,só umas tosquices que escrevo e blá blá blá.Passei por aqui por que a um tempinho queria comentar o que você escrevia e tal,eu riu muito por aqui.Mesmo.Hehe;)
Então é isso.
Beijo;)
E não morra.Hehe!

Clarice caldas disse...

http://www.ladernierecalme.blogspot.com/


ta aqui o endereço;)
"Enjoy yourself"(merda de inglês) nessa própria bosta hehe:)

beijo:)

Sandra disse...

Desabafo.
;o)
bj

Dani disse...

Amar nunca é perda de tempo.
Mesmo "quem por você sente só amizade".

Bi disse...

Eu, como boa amiga que sou, só quero saber quem é.... :P
Logo saberei de todas as coisas novamente, diariamente.
Beijos.

Clarice caldas disse...

Eu disse ruim?
ah ta,eu quis dizer Péssimo,qualquer criança de 5 anos faz aquilo lá,e não tô fazendo tipinho não,é horrendo.
Mas tudo bem,bjo.

KAKA disse...

hummmmmmmm